Economia do telefone

Enviado por admin, seg, 25/01/2010 - 08:21
Seu voto: Nenhum Classificação: 5 (1 voto)

Desde a abertura do mercado brasileiro de telecomunicações para o setor privado tivemos várias empresas implantadas.

Atualmente vivemos um ciclo comum à todos os mercados. Entre fusões, aquisições, incorporações e novas implantações é difícil delimitar onde estão os bons e maus negócios. No setor de telefonia não é diferente.

Planos e promoções mudando constantemente e com a necessidade de estar sempre em comunicação fazem do telefone uma necessidade moderna. Estamos então reféns? A resposta é não!

Temos a opção de escolher entre o atual ou o novo; entre um plano ou outro; entre operadoras; entre serviços e soluções e esperamos debater de forma resumida tudo nesse artigo.

Como é difícil englobar a necessidade de todos é necessário antes de tudo uma reflexão sobre como você tem usado o telefone, ou melhor, como tem usado todos seus meios de comunicação. Isso irá facilitar o entendimento da escolha de uma outra solução.

Primeiro passo - Pegue sua conta telefônica e faça uma análise de 3 (três) meses ou mais, excluindo comportamentos atípicos (conta em um mês deu muito alta ou baixa). O objetivo aqui é determinar através do comportamento médio de gasto em Real ($$) como você utiliza o telefone.

Segundo passo - Estratificar o uso por tipo de ligação, ou seja, dividir sua conta em categorias. Exemplo:

Ligação em MINUTOS / mês A B C
Para operadora celular X 10 10 15
Para operadora celular Y 100 90 110
Para fixo 50 55 40
Longa distância 8 10 0
       

Note que a estratificação foi feita em minutos e não em valores, pois  seu gasto em minutos facilita as comparações.

Outra observação importante é que essa estratificação foi simples. O tipo de estratificação que você pode fazer vai depender das opções que você deseja comparar. Se desejar realizar uma comparação entre todas as operadoras e todas soluções, recomendo realizar uma estratificação com mais itens, como: finais de semana, horário comercial x horário não comercial e local versus longa distância.

Pode ser um pouco trabalhoso, mas pode gerar grandes frutos.

Terceiro passo - procurar os planos para comparar. Isso vai depender de quais operadoras prestam o serviço na sua região e quais você está disposta a usar (alguma pessoas não gostam de algumas operadoras e não contratariam elas de forma alguma).

Algumas dicas:

  • Procure por PLANOS e não por promoções. Promoções são passageiras. PLANOS são regulamentados e não sofrem alterações frequentes, ou pelo menos, não deveriam.
  • Portabilidade numerica está ai para ajudar. Com a portabilidade você pode manter seu número trocando de operadora. Basta contactar a operadora para qual você vai mudar, não sendo necessário contactar a antiga. Mas atenção: Só é possível fazer portabilidade entre serviços de mesma natureza, ou seja, entre operadoras de telefone fixo (de fixo para fixo) e entre operadoras de telefonia móvel (móvel para móvel). EDITADO: Saiba aqui como identificar para qual operadora você está ligando.
  • Cuidado com aquela promoção/plano que parece maravilhosa(o). Operadoras não estão no jogo para perder.  Leia sempre as regras. Se você liga muitas vezes para um celular de mesma operadora pegar um número dessa operadora apenas por que ela só cobra o primeiro minuto pode não ser vantajoso - nesse caso, o melhor é falar bastante ao ligar e ligar poucas vezes.
  • Defina entre pós e pré, conforme seu perfil (levantado anteriormente com a estratificação), analisando as opções e verificando a possibilidade de adquirir/contratar mais de uma operadora, ou até mesmo eliminar. Isso só pode ser feito após análise minuciosa da estratificação. Pode ser mais vantajo,so por exemplo, cancelar o telefone fixo, contratar um plano móvel pós e ter um ou dois pré de outra operadora.
  • Avalie outras formas de comunicação - veja ainda nesse artigo.
  • Reflita sobre os benefícios dados na operadora versus o tempo que ficará dependente dela - fidelização.

Quarto passo - Se informe sobre tudo.

Leia as regras e o contrato SEMPRE!! No caso de promoção, nem pense duas vezes, pois toda propaganda não fala nem a metade do que realmente você tem que fazer para obter aquela maravilha.

Identifique com seus amigos pontos problemáticos e saiba mais sobre o atendimento da empresa. Isso está em vermelho não é por acaso. Os maiores ofensores de atendimento são as empresas de telefonia. Investem muito em propaganda, mas nem tanto em atendimento. Veja com seus amigos o que eles acham do suporte, do atendimento e pergunte se quando tiveram problema como eles foram atendidos.

Quinto passo - Analise tudo novamente

Confundiu? Não. É isso mesmo. A contratação/não contratação de um plano exige uma nova reflexão. Após contato com alguns de seus amigos sempre esteja aberto à novas possibilidades, pois mudar de operadora não é algo que você deva ficar fazendo toda hora. Deve ser um estudo bem feito para se evitar repetições.

Avalie também para qual operadora você liga mais, essa provavelmente será uma boa escolha pois os valores e promoções sempre incluem a própria operadora e não suas concorrentes, então, quanto mais benefícios gratuitos tiver com relação a ligações e que você puder efetivamente usar, melhor. Afinal, não adianta ter cem mil minutos por mês para ligar para sua operadora se não tiver ninguém para ligar.

Sexto passo - Avaliar outras possibilidades

E que outras possibilidades poderiam ser essas?

1 - Usar mais SMS (torpedo) - Se a mensagem a ser passada é curta você pode muito bem mandar um SMS no lugar de ligar. É bem mais barato, embora não seja tão pessoal.

2 - Gastando muito dinheiro ligando para a família? Avalie os planos familiares das operadoras.

3 -Usar mais a internet. A internet não é um meio só fabuloso de informação, mas também de comunicação. Reflita mais sobre passar e-mails e SMS (torpedos pela internet), além é claro dos comunicadores instantâneos MSN, YAHOO, Google talk, ICQ, etc...! Isso tudo sem falar nas redes sociais: Orkut, facebook, etc...

Mas se a questão for falar, literalmente, também não tem problema. Você pode usar o SKYPE e os outros mensageiros MSN, YAHOO, etc...

4- Usar VOIP.

Embora o VOIP esteja contido na internet, uma vez que VOIP é VOZ over IP (VOZ sobre IP) e sendo IP, internet protocol, todos os aplicativos Messengers já citados utilizam VOIP, pois usam a internet para transmitir a voz dos interlocutores.

Mas o que quero trazer especificamente é uma categoria na qual o VOIP atinge não só o interlocutor que esteja na internet, mas também aquele que esteja usando celular ou a linha fixa comutada ou simplesmente, telefone fixo.

Alguns serviços conhecidos, como o SKYPE, cobram taxas para realizar exatamente esse tipo de serviço e com ele é possível falar com qualquer um que tenha telefone em qualquer parte do mundo.

As tarifas dessas empresas são as mais variadas e permitem vários serviços como por exemplo ter um número fixo em determinada cidade (pode ser a sua ou pode ser outra), como é o caso do VONO da GVT.

Os serviços acompanham as tarifas em variedades e as opções são muitas, existindo muitas empresas, sendo algumas de grande qualidade e outras sofríveis.

Alguns benefícios/serviços do uso do VOIP são:

  • Chamada em espera, identificador, caixa postal
  • Siga-me,
  • Ter número fixo em um local determinado ou até mais de um número - isso abre a possibilidade, por exemplo de você ter a sede da empresa em São Paulo e ter números locais em outras regiões para suporte.
  • Conta atualizada na hora
  • Possibilidade de bloqueio
  • Normalmente custo zero de VOIP para VOIP
  • Custo muito baixo em relação ao DDD e DDI (essa diferença tem até reduzido atualmente com a disputa das operadoras de longa distância)

Mas como nem tudo é maravilha existem alguns problemas. Antes de tudo é necessário ter banda larga e de boa qualidade.

Porém, antes de sair mudando para VOIP tudo verifique os custos de ligações e de equipamentos, caso utilize um ATA ou Telefone IP.

Onde obter mais informações:

Nosso fórum

Saiba mais sobre VOIP com nosso GUIA VOIP

Tim

Você tem razão, se não ficar de olho essas promoções são roubadas.
O da tim mesmo, isso de Tim infinity ligo algumas vezes e acaba o crédito. Só é vantagem quando se fala muito e poucas vezes.